Corede/FN firma parceria com o COFRON para elaboração e execução do projeto da CP 2021

Corede/FN firma parceria com o COFRON para  elaboração e execução do projeto da CP 2021
Reunião ocorreu entre membros do Corede e Cofron. Parceria deve fomentar projetos para a região

Na Consulta Popular realizada no ano de 2020 e execução 2021, a região da Fronteira Noroeste uniu esforços para garantir os recursos que contemplam o Projeto Regional de Fomento as dimensões de inovação e empreendedorismo junto a empresas, organizações do terceiro setor e setor público da região Fronteira Noroeste, no valor de R$ 314.285,71.

 


Identificar as demandas da região


A demanda votada tem como objetivo realizar o planejamento do ecossistema de inovação com a proposição de ações e projetos para alavancar o desenvolvimento da região do Corede/FN por meio da inovação. A proposta que está sendo elaborada propõe etapas com a caracterização do ecossistema, identificação das áreas e setores com oportunidades. A elaboração de um mapa dos atores, a estruturação do radar de inovação, estabelecendo diretrizes para o fortalecimento do ecossistema. Análise das vocações, econômicas e das potencialidades.

Identificar as oportunidades de atuação e priorização dos setores estratégicos. Também prevê o planejamento do ecossistema com análise do capital humano, do potencial de pesquisas das instituições locais, da cultura do empreendedorismo, políticas públicas de apoio a inovação e empreendedorismo, governança e acesso ao capital. E, a elaboração do plano de ação com estratégias, ações e responsabilidades de curto médio e longo prazo, além da proposição de projetos mobilizadores para a estruturação e fortalecimento da governança e de mecanismos promotores do empreendedorismo inovador no ecossistema de inovação.


A elaboração da proposta do projeto está sendo realizada em parceria pelo Corede/FN e  Consórcio Público Fronteira Noroeste (COFRON). Posteriormente será encaminhado para avaliação das entidades e protocolado Na Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado para tramitação.


Vanice de Matos, Presidente do Corede/FN destaca a maturidade da região em destinar os recursos da Consulta Popular em benefício de um projeto regional inovador.

 


Segunda etapa de liberação


Ainda está prevista uma segunda etapa de liberação de recursos no ano de 2022, no valor mencionado, em complementação ao atual projeto, que possibilitará a execução das ações propostas com o devido monitoramento.