Três de Maio e municípios da região adotam medidas restritivas para conter a Covid-19

Entrou em vigor na tarde de quarta-feira, o novo decreto municipal com medidas mais restritivas para conter a disseminação do novo coronavírus, que vai valer até o próximo dia 14. Excepcionalmente, neste fim de semana, todas as atividades não essenciais deverão permanecer fechadas das 14 horas de sábado até as 5 horas da madrugada de segunda-feira

Três de Maio e municípios da região adotam medidas   restritivas para conter a Covid-19

Região adota plano mais restritivo para conter Covid-19
 

Três de Maio publicou novo decreto com as restrições. Atividades não essenciais serão suspensas da tarde de sábado até a madrugada de segunda-feira
 

Com o aumento de casos de Covid-19 na região, os 20 municípios da Amufron – que é composta por 22 municípios da região Fronteira Noroeste – irão adotar um Plano de Ação mais restritivo, além de seguir os protocolos obrigatórios e variáveis definidos pelo Governo do Estado. Três de Maio aderiu às restrições regionais e elaborou um novo Decreto Municipal que vai vigorar até o dia 14 de junho.


Entre as principais mudanças está a suspensão da prática de esportes coletivos em locais públicos; o horário de atendimento ao público de restaurantes, lanchonetes, sorveterias, bares e similares, se encerra às 23h, todos os dias da semana, sendo que a partir das 22h fica vedada a entrada de novos clientes; música ao vivo fica proibida, assim como eventos do tipo happy hour; estabelecimentos devem ocupar no máximo 50% das mesas ou similares, respeitando o distanciamento de dois metros e os clientes devem permanecer sentados e em grupos de até cinco pessoas.


Os serviços religiosos enquadram-se dentro dos serviços essenciais, com utilização máxima de 50% da capacidade do PPCI, limitado ao número máximo de 70 pessoas.


Estão suspensos eventos infantis, sociais, casas de festas. Somente poderá ocorrer mediante autorização municipal especifica, com os protocolos sanitários de atividades obrigatórios, respeitando a utilização de 50% do PPCI, sendo no máximo 70 pessoas.


A partir de agora aumenta a responsabilização de toda a população, com maior comprometimento com o cumprimento dos protocolos estipulados. Haverá um Termo de Responsabilidade, onde todos os estabelecimentos serão procurados e deverão aderir.


Caso não houver redução no número de casos e internações, a Amufron poderá adotar medidas ainda mais restritivas na próxima semana.

 

Atividades não essenciais ficam fechadas da tarde de sábado até a madrugada de segunda 

De forma excepcional, a partir das 14h do dia 5 (sábado), até às 5h do dia 7 (segunda-feira) fica determinado o fechamento de todas as atividades não essenciais nos 20 municípios da Amufron.
Poderão funcionar somente farmácias, supermercados, postos de combustíveis e restaurantes à beira de estrada, por exemplo.