Segunda-feira, 1 de junho de 2020
Ano XXXI - Edição 1604
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Orientações sobre o Covid-19 (coronavírus) - Nota da Presidência e de Pastores e Pastoras Sinodais da Igreja Evangelica de Confissão Luterana no Brasil - IECLB

20/03/2020 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
"Ora, a esperança não nos deixa decepcionados, porque o amor de Deus é derramado em nosso coração pelo Espírito Santo, que nos foi dado".  (Romanos 5.5)
Os casos de infecção por COVID-19 (novo coronavírus) aumentam a cada dia e necessitamos complementar orientações emitidas pela Presidência da IECLB no dia 4/3/2020. Naquela ocasião, a suspensão de atividades comunitárias foi considerada. Diante do agravamento do quadro, Presidência, Pastoras Sinodais e Pastores Sinodais da IECLB orientam a suspensão imediata, e por tempo indeterminado, de todas as atividades comunitárias que envolvem encontro presencial de pessoas, sejam elas de qualquer idade. A orientação se aplica inclusive aos lugares que não possuem casos ou relatos de casos do Novo Coronavírus. Dependendo da evolução da pandemia, a suspensão será revista e novas orientações serão emitidas.
Esta medida soma-se aos diversos esforços nacionais e mundiais para diminuir a proliferação do vírus. É tempo de incerteza, cautela e cuidado. Suspender atividades não é exagero, mas é atitude de responsabilidade com a vida. A propagação do vírus acontece através da proximidade e do contato físico. Suspendemos as atividades presenciais para evitar consequências desastrosas e trágicas. Agir preventivamente é tarefa de todas as pessoas, comunidades e lideranças. Reforçamos que as orientações e os decretos de qualquer instância governamental a este respeito devem ser obedecidos.
A suspensão de atividades presenciais não significa cancelamento de todas as atividades comunitárias. O trabalho e o cuidado ministerial não cessam, mas ganham outros formatos. Lembramos que todas as pessoas batizadas são chamadas a cuidar umas das outras. O povo de Deus deve continuar a vivência da fé e o vínculo com irmãs e irmãos de outras formas, tais como:
- Oração. Vamos unir nossos corações, pensamentos e vozes em oração diária. Propomos que membros da IECLB se unam diariamente em oração às 7h e às 19h. A oração pode ser feita em qualquer lugar e através dela sentiremos a união no corpo de Cristo.
- Reuniões em família e cultos domésticos. As pessoas podem realizar leitura bíblica e orações em suas casas. Os Sínodos e a Secretaria Geral da IECLB oferecerão recursos para estes momentos (www.luteranos.com.br).
- Culto sem presença de público. Semanalmente, o Portal Luteranos disponibilizará pelo menos um culto gravado em vídeo. O Portal Luteranos já dispõe de estudos e cultos realizados em outras ocasiões. De acordo com a possibilidade, Ministras e Ministros podem gravar cultos e mensagens e transmiti-los através das redes sociais.
- Visitação. De maneira geral, não deve haver trabalho de visitação, salvo em casos de extrema necessidade. Entretanto, podemos "visitar" pessoas através de um telefonema ou de mensagens por outros meios.
- Sepultamentos. Nos ofícios de sepultamento, todas as pessoas devem evitar contato físico. Recomendamos realizar cerimônias mais breves e, onde possível, em lugares abertos. Em todos os casos, tomar as medidas de distância e higienização (sem distribuição de hinários e outros recursos impressos). No caso de falecimento em decorrência do Coronavírus, obedecer às orientações da autoridade de saúde.
- Templos abertos. Avaliar a possibilidade de manter igrejas e locais de culto abertos para pessoas que, individualmente, buscam um lugar para orar e meditar. Se houver mais pessoas no recinto, uma distância mínima entre uma e outra deve ser observada e os meios de higienização disponibilizados.
O cuidado com a vida e a ação diaconal fazem parte da essência da Igreja. Ao longo da história, a Igreja de Jesus Cristo demonstrou sua fidelidade ao Evangelho com atuação solidária em momentos de sofrimento. Mais uma vez, Deus nos chama para enfrentar uma situação difícil com fé, disposição para servir, ânimo e esperança.
"Não me desampares, Senhor; Deus meu, não te ausentes de mim. Apressa-te em socorrer-me, Senhor, salvação minha" (Salmo 38.21-22). 
Porto Alegre, 17 de março de 2020. 




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

27/03/2020   |
27/03/2020   |
27/03/2020   |
29/11/2019   |
22/11/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS