Segunda-feira, 26 de agosto de 2019
Ano XXXI - Edição 1571
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Educação intergeracional

22/02/2019 - Por Karine Reimann
Tweet Compartilhar
O que é educação intergeracional? É a educação que se dá entre gerações. Houve um tempo em que se imaginava que as pessoas com mais idade ensinavam os mais jovens. A lógica era o mais idoso sabe, o menos idoso pouco sabe ou nada sabe. A palavra "infantil", que dá noção de infância, de infantaria, na origem, significa aquele que não pode falar, aquele a quem não é dado o direito de falar, aquele que não consegue falar. 
Essa infantilização, isto é, alguém que só ouve o outro que só fala, sofreu uma alteração rápida nos últimos 30 anos. Passamos a ter um novo mundo com uma velocidade muito grande de alterações e com novas tecnologias que fazem hoje conviver gerações com saberes variados.
Houve uma época, por exemplo, em que meu pai me ensinava coisas, mas só ele sabia e eu só iria aprender com a idade. Hoje, não. Uma criança de 9 ou 10 anos conhece muitas coisas que o pai e a mãe ainda não dominam, conhecem muitas coisas que aqueles que têm mais idade desconhecem. Uma questão de hábito.
Entender a educação intergeracional, em que uma geração aprende com a outra, é um sinal de inteligência, que carrega algo especial: a capacidade de aprendermos com quem sabe, independentemente da idade que essa pessoa tenha. (Excerto do Livro: Pensar bem faz bem. Volume 1. Filosofia, religião, ciência, educação. Autor: Mario Sergio Cortella)
"Nunca se diplome na vida, há sempre o que aprender com alguém." AUGUSTO CURY
#somostodosalunos #somostodosprofessores #humildade #sabedoria #ego #paisefilhos #colegasdetrabalho #relaçõeshumanas #saúdeemocional



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

16/08/2019   |
07/06/2019   |
31/05/2019   |
24/05/2019   |
17/05/2019   |
10/05/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS