Sábado, 17 de novembro de 2018
Ano XXX - Edição 1533
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Ômega 3,6,9 - O ômega da mulher

01/11/2018 - Por Sandra Marasca Martini
Tweet Compartilhar
Você já deve ter ouvido falar sobre o ômega 3 e seus benefícios, não é mesmo? Ele é um grande auxiliar da nossa saúde. Mas você sabia que existe ainda o ômega 6 e 9? Considerados ácidos graxos, eles desempenham funções essenciais para o bom funcionamento do nosso corpo.
Poucas pessoas sabem de fato como esses elementos agem e porque seu consumo é tão recomendado. Eles desempenham papéis fundamentais para o bom funcionamento do metabolismo humano e são encontrados, em grandes quantidades, nas carnes de peixes de águas frias e profundas, óleos vegetais, oleaginosas e sementes de linhaça e chia. Pertencem à classe de "gorduras boas" que são tão importantes para o corpo quanto qualquer outro nutriente.
Classificados como ácidos graxos poli-insaturados, colaboram na produção de hormônios e são usados como energia pelo corpo. Estes ômegas são denominados gorduras essenciais, especialmente no caso dos Ômega 3 e 6, pois o organismo não é capaz de produzi-los e, por isso, devem ser supridos através da alimentação, pois são fundamentais para a manutenção de algumas funções do organismo.
Diante dessa distinção dos três tipos de Ômega, surgem várias dúvidas: qual é o principal, qual deve ser consumido para obter melhor os benefícios, qual necessita de suplementação? A resposta é muito simples: "todos". Eles são importantes para o organismo e são complementares, dependendo, inclusive, de um consumo equilibrado.
Os ômegas 3, 6 e 9 são aliados da saúde de crianças, adultos e idosos, mas especialmente para as mulheres. Uma alimentação deficiente pode prejudicar o metabolismo do corpo, por isso a suplementação pode ser uma forma mais interessante de obter os benefícios desses ômegas principalmente para as pessoas que possuem alguma restrição alimentar.
As ondas de calor são comuns em mulheres que estão na menopausa e causam um desconforto muito grande. Os ômegas 3 ,6 e 9 agem na redução desse sintoma e os resultados têm sido positivos, com uma redução significativa e progressiva.
Durante a menopausa existe a queda da produção do estrogênio, o que acaba afetando a capacidade do organismo em repor os minerais, incluindo os que são necessários para os ossos, sem falar nos calorões, na redução da libido e da energia corporal.
Fique longe de todos estes sintomas com Ômegas 3, 6 e 9, ou Ômega Woman, especial para as mulheres, que você encontra na Mais Natural!




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

09/11/2018   |
26/10/2018   |
19/10/2018   |
11/10/2018   |
05/10/2018   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS