Quarta-feira, 13 de dezembro de 2017
Ano XXIX - Edição 1487
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Qual a diferença entre liquidação, promoção, oferta e Black Friday?

01/12/2017 - Por Yara Lampert
Tweet Compartilhar
A pesquisa de preço é a grande aliada do consumidor para não perder dinheiro em qualquer negociação. Independente da época do ano em que vai às compras, o cliente precisa estar atento aos preços e condições de pagamento oferecido pelos vendedores para não ser enganado.

Em todos os períodos do ano, o consumidor se depara com liquidações, promoções, ofertas e o termo black friday no comércio. As vitrinas das lojas exibem palavras tentadoras.  O consumidor sabe que todas elas podem trazer vantagens, mas nem sempre conhece os significados e as diferenças entre cada uma delas.  E diante da oportunidade de pagar mais barato, muitos se rendem a compra.

Para que servem
Independem da época liquidação, promoção e Black Friday servem para movimentar o comércio e também promover a loja.

Liquidação
Em geral, o  comércio faz liquidação quando a ideia é reduzir os estoques. A liquidação normalmente é utilizada no ramo têxtil, para liquidar vestuário ou calçados na renovação de coleção. O comerciante precisa colocar a coleção de verão na vitrina e ainda tem um estoque de roupas do inverno. Sendo assim, diminui os preços para vender. 

Promoção
Já a promoção é uma ação de venda em cima de um produto específico. A diferença é sutil, afinal, ambas se referem a mercadorias vendidas a preços mais baixos do que o habitual. 
A promoção é o ato de promover, técnica para aumentar o volume de transações de um artigo ou de vários artigos, ou seja, para promover poderá utilizar diversas formas, como por exemplo: compre 3 pague 2, compre um produto e leve grátis outro, compre um produto X ou um valor de compra estipulado e concorra a prêmios. A promoção é mais voltada a momentos em que se planeja uma estratégia de venda de determinado item por motivos sazonais ou numa ação de marketing.
Observe que em nenhum momento foi falado em preço, pois em promoção o ponto forte não é a veiculação do preço, e sim, o ato de promover um produto, uma categoria ou uma condição que possa alavancar as vendas.

Oferta
O ato de ofertar é fundamentalmente o ato de baixar literalmente o preço. Exemplo: um celular de R$ 250,00 por R$ 199,00.
A possibilidade de pagar menos incentiva o consumo e pode até ser um bom negócio, mas antes de pensar em gastar, o consumidor deve saber qual a intenção dessas práticas comuns no comércio, para que saiba aproveitá-las com eficiência, sem prejudicar seu orçamento.
Antes de comprar porque está mais barato, é bom refletir se o produto é realmente necessário.
Mesmo que o comércio apresente um bom desconto, comprar um produto sem necessidade pode representar um prejuízo. 

Black Friday
A origem exata ninguém sabe dizer ao certo, há quem diga que a expressão "Sexta-feira Negra" (Black Friday) nasceu no final do século XIX após duas instituições financeiras terem quebrado no mesmo dia em plena corrida do ouro. Coincidentemente, em uma sexta-feira.
Outra teoria conhecida é que o termo foi criado por policiais da Filadélfia na década de 60 para se referir ao dia após o feriado do Dia de Ação de Graças em que o trânsito se tornou um caos. Graças a isso, surgiu então uma grande oportunidade de venda para os lojistas que se aproveitavam disso e faziam diversas promoções para atrair quem passasse por lá.
Essa referência ao trânsito logo se expandiu e se tornou uma expressão local às ofertas, se transformando em uma grande tradição de compras.
No Brasil, a Black Friday chegou em 2011 com o portal Busca Descontos, e desde então cresce exponencialmente, batendo recorde de vendas ano a ano.
Diferentemente dos Estados Unidos, a Black Friday no Brasil começou como um evento exclusivamente online que passou para o varejo físico e atualmente atinge desde o pequeno até o grande varejista.

FONTE: Renan Abella Würfel, 
economista do Instituto de Solução Financeira - MG





Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

08/12/2017   |
24/11/2017   |
17/11/2017   |
10/11/2017   |
03/11/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS