Sábado, 21 de outubro de 2017
Ano XXIX - Edição 1479
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

CONSCIÊNCIA AMBIENTAL

09/06/2017 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Campanha de recolhimento de lixo eletrônico começa nesta segunda em Três de Maio

Até 22 de julho, lixo eletrônico pode ser deixado em cinco ecopontos. 
Resíduos perigosos só poderão ser entregues no último dia
Uma campanha de recolhimento de lixo eletrônico será realizada em Três de Maio entre a próxima segunda, 12, e o dia 22 de julho, numa iniciativa da administração municipal, por meio da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente. Haverá cinco locais - os chamados ecopontos - em que a população poderá entregar os materiais.
Os ecopontos serão a Eletrônica Planer, na Rua Padre Cacique, a Lasch Auto Som, na Rua Santa Cruz, a Automassul Informática, na Avenida Senador Alberto Pasqualini, a WNL Informática, na Avenida Santa Rosa, e o horto florestal municipal.
Nesse período, a população poderá levar gratuitamente até esses locais materiais como modems, roteadores, aparelhos de DVD, caixinhas de som, CPUs, estabilizadores, telefones e celulares, faxes, fios, cabos, impressoras, monitores, mouses, no-breaks, notebooks, teclados, TVs, placas de informática diversas e unidades de CD.
Os materiais serão, posteriormente, recolhidos pela empresa Natusomos Lixo Eletrônico, de Horizontina, que, após desmonte e descaracterização deles, os encaminhará para reciclagem.

Materiais perigosos, só no último dia, e com custos
Devido à sua composição, por serem considerados resíduos perigosos, materiais como lâmpadas, toners, baterias de celular e pilhas só poderão ser entregues pela população no dia 22 de julho, quando um caminhão da empresa estará estacionado em frente à Prefeitura, das 8h às 16h, e os receberá.
No mesmo dia, esses materiais poderão também ser entregues nos ecopontos, uma vez que depois a empresa fará o recolhimento. No entanto, para a entrega desses últimos materiais, haverá custos para a população.
Lâmpadas, a R$ 1,50, e toners, a R$ 3, terão custos por unidade entregue. Já no caso de baterias de celular e pilhas, o valor será de R$ 17 o quilo. O pagamento deverá ser feito diretamente à empresa.
Por outro lado, a ideia da secretaria é de que, concluída a campanha, o recolhimento de lixo eletrônico passe a ser permanente na cidade, durante todo o ano, sendo mantidos os mesmos ecopontos, em as empresas concordando.
"Vamos aguardar para ver qual será a quantidade que vai ser recolhida e, depois, analisaremos se será necessário que haja mais ecopontos ou se esse número é suficiente", diz Josiane Boz, coordenadora de desenvolvimento agropecuário da secretaria.

ECOPONTOS DE COLETA 
- Eletrônica Planer
- Lasch Auto Som
- Automassul Informática
- WNL Informática
- Horto florestal municipal



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

13/10/2017   |
09/10/2017   |
06/10/2017   |
06/10/2017   |
29/09/2017   |
22/09/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS