Terça-feira, 12 de dezembro de 2017
Ano XXIX - Edição 1487
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para Consumo

02/06/2017 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À  GUISA DE COMENTÁRIO - NÓS OS HONESTOS - O que vamos dizer nós os cidadãos honestos diante de tudo isso que está acontecendo? É ficar quieto, ou devemos abrir o bebedor de lavagem? Se resolvesse, o jeito era o de berrar para os quatro ventos. Mas, com certeza, muito poucos ouviriam o nosso alucinante brado. O povo se acostumou ao longo dos últimos anos às desonestidades e às falcatruas. Lê-sena Bíblia:"Bem-aventurados os homens de coração puro". Os corações  puros ainda existem? Existem, sim, e muitos. Só que eles ficam ocultos, porque não são mostrados. Isso, aliás, acontece com quase todas as coisas boas, que ficam escondidas ou guardadas. A honestidade, parece que não soma, quando se trata de divulgação. As coisas boas para os divulgadores não mexem com os consumidores da divulgação. Por isso, deixa pra lá a honestidade. Mas ela existe, graças a Deus. É preciso fazer justiça e dar a César o que é de César e a Deus o que é de Deus. Se ainda existem pessoas honestas, é preciso reconhecer e valorizar. Não é nenhuma bravata dizer-se honesto 

GOLPE DE MESTRE  - Foi este de Joesley  Batista do complexo industrial JBS. 

ACONTECEU LÁ ATRÁS - "MANTEGA CUIDOU DOS INTERESSES DA JBS NO BNDES, E FOI EFICAZ: O BANCO LIBEROU 8,1 BILHÕES DE REAIS AOS IRMÃOS BATISTA".  Isso aconteceu lá atrás e, hoje, a JBS é uma potência mundial. 

A MODA PEGOU - A moda masculina da barbicha rala e feia pegou de cheio. Poupa tempo, gilete ou barbeador. Mas perde a estética masculina.

NENHUMA CONQUISTA? - Até o momento não se ouviu falar em conquistas para Três de Maio no atual mandato. Algum parlamentar da região da sigla do nosso administrador público já poderia ter acenado com alguma ajuda. Por que não?

TEMPO MALUCO - É este que enfrenta a região neste ano. Deu sorte e azar. Sorte é que não houve prejuízo na safra de grãos. O azar são os estragos causados nas estradas do interior e ruas e avenidas da cidade. Os prejuízos são elevados e os lamentos  dos prefeitos de toda região são fortes. Segundo levantamentos, choveu 555 milímetros,  em abril, e 421 milímetros, em maio, até o dia 28.  Trata-se de um volume histórico de chuvas. Talvez, jamais tenha chovido tanto na região, neste período do ano. Quase 70% da média anual. 

NÃO HÁ BOAS PERSPECTIVAS - Apesar da difícil situação econômica do País, as encrencas espoucam.  A turma da esquerda não quer saber de tranquilidade. O prato deles é a confusão.  E o pior é que as manifestações, que deveriam ser pacíficas, terminam em quebra-quebra e ninguém se responsabiliza pelos estragos. E o País afunda mais e mais. As perspectivas de dias melhores não são boas. 

A POLÍTICA E O FUTEBOL SÃO MUITO SEMELHANTES. O treinador de clube com mau desempenho balança e cai da noite para o dia e o político, sobretudo, o governante, de mau desempenho balança, balança e cai, mas demora.

APENAS 33% DA PRODUÇÃO DA SOJA GAÚCHA FOI COMERCIALIZADA, ATÉ O MOMENTO, MOTIVO: PREÇO BAIXO. 



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

08/12/2017   |
01/12/2017   |
24/11/2017   |
17/11/2017   |
10/11/2017   |
03/11/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS