Sexta-feira, 17 de novembro de 2017
Ano XXIX - Edição 1484
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Contas inativas do FGTS na agência local da Caixa somam R$ 8 milhões

17/02/2017 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Torneiro-mecânico Alexandre Weber (d), 36 anos, é um dos trabalhadores que terão direito a efetuar o saque - ele poderá fazê-lo a partir de 12 de maio. Governo federal e Caixa apresentaram o calendário na terça-feira e, na tarde de quarta, o profissional foi até a agência local para confirmar o valor que ainda possui na sua conta inativa

Saques devem injetar R$ 30 bi na economia
Já em relação a contas na agência local da Caixa, há em torno de R$ 8 milhões retidos

A previsão do governo federal é de que os saques das contas inativas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), que começarão em março, vão injetar R$ 30 bilhões na economia brasileira.
Conforme a Medida Provisória 763/2016, tem direto ao pagamento o trabalhador que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015. Em nível nacional, a medida engloba 49,6 milhões de contas, com saldo de R$ 43,6 bilhões, beneficiando 30,2 milhões de trabalhadores.
Já a agência de Três de Maio da Caixa Econômica Federal, que tem como gerente-geral Nelson Pedro Fuhr, estima haver em torno de R$ 8 milhões retidos em contas inativas do FGTS criadas na unidade. O valor é referente a 6.032 contas inativas, o que resulta numa média aproximada superior a R$ 1,3 mil por conta.
Além de Três de Maio, a agência também atende à microrregião composta por Alegria, Boa Vista do Buricá, Independência, Nova Candelária, São José do Inhacorá e São Martinho.
O calendário oficial de pagamentos das contas inativas do FGTS foi divulgado pelo governo federal e pela Caixa, agente operador do Fundo, na última terça, 14, em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília. O cronograma, que começa em 10 de março - para os nascidos em janeiro ou fevereiro - e termina em 31 de julho, foi estabelecido levando em conta o mês de nascimento do trabalhador.
Para março, haverá, somando os sete municípios da microrregião da agência, 957 trabalhadores aptos a efetuar os saques. Três de Maio, assim como em todos os meses, lidera, com 643 trabalhadores, seguida por Boa Vista do Buricá, com 114.
Os meses em que Três de Maio mais terá trabalhadores aptos a sacar o FGTS de contas inativas serão abril, com 1.073, e maio, com 1.010. Em junho haverá 981, e em julho, 290.

O gerente-geral da agência de Três de Maio da Caixa, Nelson Pedro Fuhr

TIRE SUAS DÚVIDAS
Quem poderá sacar o FGTS de contas inativas, de acordo com a MP 763/16?
Todo trabalhador que pediu demissão ou teve seu contrato de trabalho finalizado por justa causa até 31 de dezembro de 2015 tem direito ao saque das contas inativas do FGTS.
Quais são os canais exclusivos de consulta?
O site da Caixa www.caixa.gov.br/contasinativas e o telefone 0800 726 2017. Ele é 24 horas e a pessoa precisa estar munida do número do PIS e do CPF.
Quais são as opções de recebimento?
Acesse o site www.caixa.gov.br/contasinativas ou ligue no 0800 726 2017 para saber, de forma personalizada, o saldo, data e local mais conveniente para o saque nos termos da MP 763/2016.
De acordo com o seu perfil, os canais apresentados variarão entre:
- Crédito em conta Caixa: os correntistas poderão autorizar o recebimento do crédito em conta pelo site www.caixa.gov.br/contasinativas.
- Autoatendimento: valores até R$ 1,5 mil apenas com a senha do Cartão do Cidadão e valores até R$ 3 mil com Cartão do Cidadão e senha.
- Correspondentes Caixa Aqui e Lotéricas: valores até R$ 3 mil com documento de identificação do trabalhador, Cartão do Cidadão e senha.
- Agências Caixa
Quais são os documentos necessários para cada tipo de saque?
Para o saque dos trabalhadores que pediram demissão ou foram demitidos por justa causa até 31 de dezembro de 2015, de acordo com a MP 763/2016, deverão ser apresentados os seguintes documentos:
- Agências Caixa: número de inscrição do PIS/Pasep, documento de identificação do trabalhador e comprovante finalização do contrato de trabalho (Carteira de Trabalho ou Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho).
- Correspondentes Caixa Aqui e Lotéricas: valores até R$ 3 mil com documento de identificação do trabalhador, Cartão do Cidadão e senha.
- Autoatendimento: para valores até R$ 1,5 mil com a senha do Cartão do Cidadão e valores até R$ 3 mil com Cartão do Cidadão e senha.
- Saques acima de R$ 3 mil e até R$ 10 mil: o trabalhador só precisa apresentar, na agência da Caixa, a carteira de identidade para fazer o saque ou a transferência para conta de outro banco, sem custo.
- Saques acima de R$ 10 mil: além da identidade, será preciso apresentar a Carteira de Trabalho  ou o Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho vinculado à conta inativa.
Todos os clientes Caixa vão receber diretamente em suas contas?
Os clientes poderão autorizar o crédito em sua conta Caixa, caso desejem.
Se tiver direito, posso sacar em qualquer lugar do Brasil?
Quem for direcionado para realizar o saque nos canais parceiros ou nas agências Caixa poderá realizar em qualquer localidade do território nacional.
O que devo fazer agora que o calendário foi divulgado e quando começar os pagamentos?
Acesse o site www.caixa.gov.br/contasinativas ou ligue no 0800 726 2017 para saber, de forma personalizada, o valor, data e local mais convenientes para o saque de acordo com a MP 763/2016.
O calendário vai até julho. Quem perder esta data ainda terá alguma tolerância?
O prazo acaba em 31 de julho. Quem perder esta data não poderá mais sacar o dinheiro.
Se eu perder o mês de saque referente ao meu aniversário, poderei ir no mês seguinte retirar o dinheiro?
Sim. O trabalhador terá o dia 31 de julho para sacar o dinheiro.
O que devo fazer caso os meus depósitos mensais não tenham sido feitos pelo(s) meu(s) empregador(es)?
Você deve procurar seu(s) empregador(es). Na maioria dos casos, o problema será resolvido nesse contato. Caso não dê certo, você pode buscar auxílio nos sindicatos ou nas Superintendências Regionais do Ministério do Trabalho (antigas DRTs). A fiscalização sobre os recolhimentos de FGTS, conforme lei nº 8.036/90, é de responsabilidade do Ministério do Trabalho.
O que devo fazer se tiver inconsistências no cadastro da minha conta?
Você deve comparecer a uma agência Caixa levando seus documentos de identificação pessoal, número de inscrição PIS/Pasep e comprovante do vínculo empregatício, para solicitar a correção.
As informações que são visualizadas no aplicativo do FGTS são diferentes das fornecidas no site da Caixa, Internet Banking e 0800?
Não. As contas vinculadas mostradas no site www.caixa.gov.br/contasinativas são as que estão de acordo com a MP 763/2016. Nos demais canais (site da Caixa, Internet Banking e aplicativo), fica disponível ao trabalhador o extrato de suas contas.
A lei 8.036/90 já prevê que um trabalhador que está há mais de três anos fora do regime do FGTS possa sacar os valores de suas contas. O que mudou agora?
Com a publicação da Medida Provisória 763, o trabalhador que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015 poderá sacar o saldo da conta vinculada, estando ou não fora do regime do FGTS. Antes o trabalhador só poderia sacar caso permanecesse três anos fora do regime do FGTS.
As outras opções de saque mudaram com a publicação da Medida Provisória 763/16?
Não. As demais regras de saque do FGTS ficam mantidas. Assim, aqueles trabalhadores que foram demitidos sem justa causa ou já aposentados, por exemplo, e ainda tenham saldo em sua conta vinculada, já têm direito ao saque e poderão realizá-lo a qualquer tempo, bastando para isto efetuar a comprovação da condição para saque.
É possível ter mais de uma conta inativa?
Sim. Todo contrato de trabalho com carteira assinada possui uma conta de FGTS vinculada. Portanto, você terá mais de uma conta inativa se possuir mais de uma conta FGTS com saldo e movimentação até 31 de dezembro de 2015.
Quem não poderá sacar?
Trabalhadores que tenham contrato de trabalho ativo e trabalhadores que tenham contrato de trabalho extinto a partir de 1º de janeiro deste ano, conforme limite estabelecido na MP 763/16.
Se tiver uma conta inativa, poderei também sacar o FGTS do emprego atual?
Os saques das contas ativas não mudaram, ou seja, só podem ocorrer nos casos de demissão sem justa causa, para moradia própria ou aposentadoria, por exemplo. As opções de saque previstas na lei 8.036/90 vigentes atualmente podem ser consultadas no Manual de Movimentação da Conta Vinculada.
Há limite de valor para saque?
Não há limite. O trabalhador poderá sacar todo o valor de suas contas inativas, de acordo com a MP 763/16.

FOTOS: JAQUELINE PERIPOLLI



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

10/11/2017   |
29/09/2017   |
29/09/2017   |
15/09/2017   |
08/09/2017   |
01/09/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS