Sexta-feira, 19 de julho de 2019
Ano XXXI - Edição 1566
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para Consumo

26/06/2015 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO - FALCATRUAS E MAIS FALCATRUAS - Neste momento o que vão dizer as pessoas que nasceram num berço de famílias modestas, onde só coabitava o bem? Não é debalde que tantas pessoas estão horrorizadas. Com os cabelos de pé e sem palavras para qualificar este mau momento. É que as falcatruas montam a cavalo em cima de falcatruas. E as pessoas de bem não sabem o que dizer e nem o que fazer. Só ficam lamentando: "no nosso tempo não era assim". De fato, tempos houve em que as pessoas respeitavam o que era certo. Hoje, o mandamento de muitos é o enriquecimento fácil. E para cumprimento deste mandamento usam de todos os expedientes para cumpri-lo à risca. Não faltam, pois, modelos e mais modelos de falcatruas. E, quando se pensa que aconteceu a última, lá vem mais uma e mais outra. Algumas são detectadas e barradas pelas autoridades competentes por mais sutis que sejam as tramoias. Só que a criatividade humana supera todas as expectativas, quando se trata de fazer o mal e inventar novas e mais sutis armadilhas para locupletar-se.

PENSE SOBRE ISSO - "O esboço da nova Lei Orgânica da Magistratura (Loman) é uma afronta aos cidadãos que pagam impostos esperando ter serviços mínimos de qualidade". Por que tudo para certas categorias e nada para as outras? Isso tem explicação?

CORTOU NA PRÓPRIA CARNE -
A presidente baixou 15 quilos. Isso é cortar na própria carne.
ENDIVIDAMENTO - O mês de abril foi trágico para o endividamento das famílias: 46,3%. O maior percentual desde 2005. Isso que o governo estimulou a população a fazer gastos, porque a economia estava um mar de rosas. E o povo acreditou e se atirou a fazer compras. Agora está aí.

DEU PARALISIA - Na indústria automobilística. Nos cinco primeiros meses de 2015, o licenciamento de automóveis reduziu 17% no País. Em face disso, pelo menos seis montadoras estão com as atividades suspensas ou reduzidas, neste mês. Se o quadro não mudar nos próximos meses, podem acontecer as dispensas.

ONDE ESTÁ O FURO? - Estão procurando o furo do mau momento da economia. Mas estão procurando o furo onde ele não está. O furo são as dívidas públicas. Só de juros os cofres da União vão pagar, neste glorioso 2.015, 75 bilhões. Quem tem dinheiro e os bancos agradecem. E quem não tem, ajuda a tapar o furo. É o resultado dos gastos irresponsáveis deste governo.

FRAUDES - Que há fraudes disso nem se pode duvidar. A culpa da existência das fraudes é a falta de fiscalização. Faltam fiscais e sobram fraudadores. Se todos pagassem religiosamente o que deveriam pagar, sobraria dinheiro nos cofres públicos.

OBRIGADO LIONS! - Obrigado pelo Diploma de Honra ao Mérito outorgado, nos 40 anos de fundação deste modelar clube de serviços. Fui lembrado como sócio-fundador. Obrigado mesmo! E muito sucesso nos próximos 40 anos. 



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

12/07/2019   |
05/07/2019   |
28/06/2019   |
21/06/2019   |
07/06/2019   |
31/05/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS