Quinta-feira, 22 de agosto de 2019
Ano XXXI - Edição 1571
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para Consumo

11/04/2014 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO  - LÁ EM CIMA NÃO TEM ANJINHOS  -  É exatamente esta a grande verdade. A insofismável verdade. Não estou e nem quero destroçar um dogma da anjologia, se é que esta ciência existe. Os anjos decantados que aprendemos a admirar, quando crianças, porque nos protegem e guardam, não entram neste cômputo de anjinhos a que nos referimos. É que lá em cima, que não no céu, nas alturas das siglas político-partidárias, inexistem os anjinhos. Lá o que mais tem é demônio. Ou seja, puxador de tapete. Cada qual procura derrubar quem faz sombra. Ou acham que não? Evidentemente, a puxada de tapete é contra quem faz sombra. Não faz sombra, o tapinha nas costas resolve tudo. Acontece que volta e meia alguém se quebra. É que o tombo com a puxada do tapete foi forte e alguém despencou. Não pensem que não existe o sadismo dos que querem ver alguém rolando na desgraça. Talvez, nada é tão propício do que a política, para  derrubar algum companheiro. Derrubar adversário nem tem graça. Fiquem de olho e se certifiquem de que não se vê anjinhos lá nas nuvens dos palácios, onde volitam os graduados da perversa política.
 
"O que há no governo é mais do que má gerência. É uma fé infinita na empulhação, ofendendo a inteligência alheia". Jornalista Élio Gaspari, da Folha de São Paulo.

UMA APROPRIAÇÃO INDÉBITA  -  Claro que todos aqueles que ganham mais de três salários mínimos (estes pagam Imposto de Renda) estão ajudando a sustentar milhões de brasileiros que nada ou pouco ganham e não contribuem com nada. Pagar impostos é bom e obrigação, desde que o dinheiro seja bem aplicado e haja retorno. Do contrário, significa uma quase apropriação indébita.

ROUBADA  -  A decisão de sediar a Copa no Brasil foi uma roubada. Sabem de quem a frase? Do ilustre Senhor governador do Estado, Tarso Genro. O prefeito de Porto Alegre acha que não foi.

SE OS NEGROS SÃO 51% DA POPULAÇÃO BRASILEIRA, POR QUE TANTA PREOCUPAÇÃO COM COTAS E PRECONCEITO RACIAL? QUANDO SE TRATA DE PELÉ, É UNANIMIDADE. TEM ALGO ERRADO.

RESUMO -  Ninguém mais aguentava a desordem, a violência e a confusão. Aí veio o golpe de 1964. Este é o resumo da ópera. As operetas modernas dizem outra coisa.

OBVIEDADE  -  Devem ter percebido que o dólar está caindo, neste início de 2014. Obviedade das obviedades -  a taxa básica Selic tem dupla função: o aumento trava a inflação, porque o consumo cai, e chama a aplicação dos dólares e eventualmente os euros dos especuladores, porque os juros aumentam. Quanto maior o volume de dólares entrando no País, menor o seu valor.

TAXAÇÃO  -  Felizmente a soja exportada in natura não foi taxada por Lei, como queriam alguns deputados do Paraná em 9,25% do PIS/Cofins, o que renderia às burras governamentais só nesta safra R$ 4,5 bilhões. Não deu para entender onde queriam chegar aqueles parlamentares.

OPORTUNISTAS  -
Impressionante o número de oportunistas em nossa comuna. Depois que viram que a bananeira plantada não deu cacho e que a colheitadeira virada por descuido no interior, onde nunca foram,  e mesmo assim se entusiasmaram e botaram para fora toda dor de cotovelo que têm por dentro. É muita cara de pau. Os colunistas precisam ser mais responsáveis. E os comentários idem.




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

16/08/2019   |
09/08/2019   |
02/08/2019   |
26/07/2019   |
19/07/2019   |
12/07/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS