Sábado, 7 de dezembro de 2019
Ano XXXI - Edição 1586
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para consumo

29/11/2019 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO - A OPORTUNIDADE - Quem não espera por uma boa oportunidade? Praticamente todos esperam a sua oportunidade. Cedo ou mais tarde ela vem. Então, é preciso agarrá-la. Foi o que fiz, em 1962, quando estava no meu torrão natal, no mês de abril, por volta das 10 horas do dia 4, um sacerdote desconhecido até então me abriu o caminho do magistério. Na mesma manhã, depois do recreio dos professores do Ginásio Pio XII, ingressei na sala da 4ª série do ginásio e assumi a cadeira de Língua Portuguesa. Estava começando minha carreira e a era de ouro do Cardeal Pacelli com realizações incríveis. Evidentemente foi uma coisa inimaginável e inacreditável, porque pouco ou nada fiz, para que isso acontecesse. Mas abracei a oportunidade e fiz dela o convite para a jornada da vida.

E FALANDO EM OPORTUNIDADE - Seria de muito boa iniciativa, dar mais oportunidades aos estudantes. Eles precisam escrever, praticar esporte e mostrar suas qualidades artísticas. Uma boa oportunidade para a Secretaria de Educação entrar em campo.

PREÇOS ALTOS - Estão reclamando os consumidores do aumento exagerado das carnes no comércio. Tudo porque cresceu assustadoramente a exportação das carnes, sobretudo, de gado e suínos para a China. E aí os preços estouraram. Para os produtores isso vem em boa hora. A choradeira é dos consumidores que precisam moderar no consumo, principalmente, dos que gostam de um churrasquinho amigo.

MAIS PREÇOS ALTOS - O choro dos consumidores não é só em cima do aumento da carne. Muitos cidadãos reclamam e com força dos altos preços cobrados pelos prestadores de serviços na cidade. As reclamações também são referentes aos elevados aluguéis cobrados e não escapa o exagerado preço cobrado pelo Imposto Predial e Territorial Urbano - o IPTU. A choradeira é dos cidadãos de Três de Maio. E comparam no meio do choro os preços cobrados em outras cidades, até de maior porte do que nosso município. Fazer o quê? Os preços são uma questão de mercado. O elevado IPTU se explica pelo elevado preço dos imóveis.

FALTAM CASAS POPULARES - Nos últimos anos não foram construídas casas populares através do programa Minha Casa Minha Vida em nossa cidade. Seriam moradias para a classe de menores recursos. Na inexistência dessas moradias, os cidadãos que precisam alugar para morar, pagam mais caro.

E FALANDO NISSO - O governo, através do Ministério do Desenvolvimento Regional, dá ultimato às empresas construtoras que atuam na área do Minha Casa Minha Vida. As empresas recebem prazo de dois anos e meio, para que finalizem as obras pendentes. Em caso de não-cumprimento da medida terão que devolver os recursos já pagos pelo governo, com juros e correção monetária para os cofres da União. Não são poucas as moradias paradas: ao todo, 44.426 unidades em 1.895 municípios de todo País. Ao que consta nenhuma dessas unidades no município de Três de Maio.

AGORA VEJA ESSA - Empresário baiano constrói casas populares por conta própria e doa a famílias pobres. Se houvesse muitas pessoas com essa mentalidade, o sofrimento da população pobre seria bem menor. Serve de exemplo.

QUEM ACENDE LÂMPADAS PARA ILUMINAR A COMUNIDADE, MERECE UMA LUNINÁRIA ETERNA NO ALTO POSTE DA ADMIRAÇÃO POPULAR.

SE HOUVESSE MAIS FAMÍLIAS BEM CONSTITUÍDAS - NÃO NECESSARIAMENTE RICAS - TERÍAMOS UMA SOCIEDADE BEM MELHOR.

SALÁRIO MÍNIMO - Pode uma família viver com salário mínimo de R$ 1.031,00? Experimente. O salário mínimo previsto inicialmente para 2020 era de R$ 1.039,00. Foi reduzido para R$ 1.031,00. Pode? A previsão da inflação do ano que vem teve uma leve queda e o mínimo é baseado na inflação do ano.

E A LÂMPADA DA RUA JORGE LOGEMANN CONTINUA ACESA DIA E NOITE, DURANTE OS 30 DIAS DO MÊS.



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

22/11/2019   |
14/11/2019   |
08/11/2019   |
01/11/2019   |
25/10/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS