Terça-feira, 11 de dezembro de 2018
Ano XXX - Edição 1536
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Eduardo de Vargas Lewiski

19/10/2018 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar

Idade: 24 anos
Filho de: Rui Torzeski Lewiski e Delci Maria de Vargas Lewiski
Namorando: com Bruna Mayer Schrammel
Onde reside: Porto Alegre 
Escolaridade: Sociedade Educacional Três de Maio - Setrem (Ensino Básico)
Universidade Federal de Santa Maria - UFSM (Ensino Superior)
Profissão: engenheiro civil
Porque optou por esta profissão: acredito que por dois motivos principais. Um deles, sem dúvida, é a relação da minha família com a Engenharia. Meu pai formou-se em Engenharia Civil em 1981, pela Universidade Católica de Pelotas. Juntamente com minha mãe, abriu um comércio de Engenharia e Materiais de Construção, situado nas mesmas dependências da nossa casa, em Três de Maio. Desta forma, os depósitos e as pilhas de materiais acabavam servindo de "pracinha" para mim e meus dois irmãos mais velhos, que também tornaram-se engenheiros, Daniel (engenheiro químico) e Felipe (engenheiro mecânico). Utilizávamos areia para construir nossos edifícios e castelos. Para os carros, as espadas e diversos outros brinquedos, utilizávamos ferros e madeiras descartados (e algumas vezes materiais novos, o que deixava nosso pai furioso). Em meio a isso, aflorou o segundo fator que acredito ter me motivado a seguir o rumo da Engenharia: o gosto por criar e replicar as coisas. Na escola, nunca fui um gênio das exatas, apesar de ter mais facilidade nesta área. Além disso, sempre tive uma paixão pela música, o que me fez titubear algumas vezes na decisão. No entanto, aos 16 anos de idade, decidi que a minha escolha profissional seria pela Engenharia Civil, e segui praticando a música nas horas vagas
Onde trabalha atualmente: Filippon Engenharia (Porto Alegre) e com meu pai, pela Lewiski Engenharia (Três de Maio). Ainda atuo como músico, esporadicamente
Hábito de que não abre mão: Cantar e tocar instrumentos musicais, principalmente violão
O negócio do futuro é: aliar tecnologia à sustentabilidade. Os recursos tecnológicos inovam e surpreendem a cada dia; já os recursos naturais estão cada vez mais escassos. Desta forma, acredito que o casamento "tecnologia vs. sustentabilidade" esteja cada vez mais presente em nosso dia a dia
Time de futebol: o Rei de Copas - Grêmio!
Seus aplausos vão para: meus pais, que priorizaram, acima de tudo, os valores e a educação dos filhos
Nota zero para: todos os políticos corruptos que colocam suas regalias acima daqueles que os elegeram, negligenciando a saúde, a educação e a segurança da população
Sua opinião sobre as redes sociais: são importantes meios de comunicação que possibilitam a proximidade das pessoas, além de descentralizarem a informação das fontes principais, como televisão, rádio e jornal. No entanto, é preciso que a sociedade saiba utilizá-las com responsabilidade e respeito ao próximo, onde opiniões contrárias não sejam motivo de ofensas ou agressões

O que você sugere de mudança que possa melhorar sua cidade? vejo o trânsito em Três de Maio como um dos pontos negativos. Acredito que seja um ponto a melhorar, mudando a logística e a sinalização. Além disso, vejo uma carência nas opções de lazer e de gastronomia, como bares ou restaurantes com atrações diferenciadas.

FOTO: ARQUIVO PESSOAL




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

30/11/2018   |
23/11/2018   |
16/11/2018   |
09/11/2018   |
01/11/2018   |
26/10/2018   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS